Cristiano Ramos movimenta a dança na Comunidade do Gesso

WhatsApp Image 2017-04-19 at 09.37.08
Artista que cresceu na Comunidade do Gesso, Cristiano Ramos, integrante do Coletivo Camaradas consegue aliar ao seu trabalho pesquisa, intercâmbio e empoderamento social através da dança. O contato de Cristiano com a dança vem desde criança. Ele destaca que em 2011, entrou para o grupo de dança Vidarte da ONG Nova Vida que tem como coreografa Edilania Rodrigues. Participou também da companhia da Unidance da coreografa Adriana Alencar. Cristiano ao entrar no curso de Artes Visuais da URCA teve a oportunidade de cursar algumas disciplinas optativas de dança com o coreografo Alysson Amancio e isso o instigou a aprofundar os seus estudos sobre o corpo e conhecer o trabalho de bailarinos do cariri e de outros países.
Estudos, apresentações, oficinas, trabalhos coletivos e viagens fazem de Cristiano um artista conectado com o seu tempo e isso vem repercutindo na Comunidade do Gesso. A semana de Cristiano é agitada e voltada quase que exclusivamente para dança e o curso de Letras da Universidade Regional do Cariri – URCA. Na Comunidade, ele media os ensaios do Núcleo de Experimentos em Dança – NED do Coletivo “O Crato tem Dança” que circula por vários bairros da cidade do Crato, é coreografo de dois grupos da Quadrilha Junina “Pé de Moleque” da Comunidade e coordena o Núcleo de Dança do Coletivo Camaradas aonde desenvolve aulas de dança experimental, além de participar do Maracatu Raízes coordenado pelo músico Beto Ribeiro.
Cristiano Ramos enfatiza que o trabalho da dança experimental que ele vem desenvolvendo tem o objetivo de “quebrar” os estigmas da dança clássica e    abordar questões como o sentir, o experimentar, o estudo do corpo e tratar de questões sociais dentro da dança contemporânea.
As aulas de dança experimental acontecem todas as quartas-feiras, ás 18h30, no Laboratório de Criatividade do Coletivo Camaradas na Comunidade do Gesso.

DSCF2259

Deixe uma resposta