Carta da AFAC – ASSOCIAÇÃO DOS FILHOS E AMIGOS DO CRATO em defesa dos artistas locais

Amigo Dihelson,

Vimos acompanhando de perto a árdua luta dos artistas cratenses por espaço na maior festa popular do nosso município. Observamos que al longo dos anos a nossa festa se enche de motivos alheios à nossa história, à nossa cultura e ficamos a nos perguntar: Ainda somos a “Terra da Cultura”? Se formos, onde ela andará?

Nós que fazemos a AFAC – Associação dos Filhos e Amigos do Crato temos uma opinião muito clara à chegada desses motivos estranhos aos nossos valores: eles são bem vindos e até certo ponto necessários, desde que não tomem o lugar dos nossos motivos culturais. São bem vindos porque a nossa festa é regional como o próprio nome diz – EXPOSIÇÃO CENTRO NORDESTINA DE ANIMAIS E PRODUTOS DERIVADOS, mas não podemos substituir aquilo que é nosso.

No entanto, ao longo do tempo, assistimos o sufocar de muitas de nossas tradições as quais sempre estiveram presentes à festa. Aqui falamos especificamente da situação dos músicos e dos grupos populares como chamam as elites. Quer seja pelo curto e mal aparelhado espaço dado a estes artistas, quer seja pelo curto e desrespeitoso aparelhamento e espaço cedido aos músicos da região.

O protesto que ora vemos, embora heróico, veio com muito atraso. Talvez fruto da passividade do cratense, pois somos gente ordeira e responsável. Porém, já devíamos ter levantado essa bandeira muitos anos antes, pois sabemos que esse problema e essa pendenga são antigos. Mesmo assim somos da opinião de que “ANTES TARDE DO QUE NUNCA”.

É necessário destacar que a cidade de Crato é conhecida nacionalmente pelo talento e qualidade profissional dos nossos artistas e pela beleza e singularidade das nossas manifestações populares. São eles que levam o nome do Crato aos mais longínquos recantos desse país, e do mundo. A Banda Cabaçal dos Irmãos Anicetos se apresentaram em Paris, capital mundial da cultura, ano passado. Os nossos artistas são os grandes responsáveis pelo título que temos de “TERRA DA CULTURA”. Portanto, esse desrespeito é injusto e descabido.

Por esse motivo, nós que fazemos a AFAC – ASSOCIAÇÃO DOS FILHOS E AMIGOS DO CRATO, entidade que congrega filhos e amigos do Crato residentes em Fortaleza-Ceará, queremos neste ato, unir forças com todos aqueles que direta ou indiretamente conjuminam da idéia de que a comissão organizadora da EXPOCRATO tem o dever de assumir o compromisso e a responsabilidade de abrigar de forma respeitosa e profissional atrações regionais e, principalmente, shows e apresentações de artistas da cidade de Crato, no palco principal da festa da Exposição (EXPOCRATO). Não queremos exclusividade no espaço, queremos somar. O Crato merece ver os seus filhos participarem da sua festa maior.

AFAC – ASSOCIAÇÃO DOS FILHOS E AMIGOS DO CRATO

Deixe uma resposta