Lançamento do Rumos Educação, Cultura e Arte na Fundação Casa Grande

Evento destinado a educadores e organizações sociais marcará o lançamento da segunda edição do programa Rumos Itaú Cultural voltado à experiências não-formais em educação. Com aula-espetáculo e palestras, acontecerá durante todo o dia primeiro de maio


No dia primeiro de maio a Fundação Casa Grande receberá o grupo de teatro Os Tapetes Contadores de História, em uma aula-espetáculo pela manhã, no varandão, e a sessão de histórias Cabe na Mala? à noite, no teatro. Na parte da tarde haverá uma palestra com Alemberg Quindins, coordenador da Casa Grande, e Gislayne Avelar de Matos, Mestra em Educação e autora de livros sobre contação de histórias.
O evento foi pensado pelo instituto Itaú Cultural para apresentar aos educadores e organizações sociais da região a segunda edição do programa Rumos Educação, Cultura e Arte . Para isso, haverá a exibição de um DVD e uma conversa sobre a iniciativa do instituto, que já levou a experiência de Nova Olinda para diversos lugares do país.
Pela manhã e à tarde, a programação é voltada para o público adulto, direcionado principalmente a profissionais e interessados de áreas afins. À noite, o Tapetes Contadores de Histórias se apresenta para a população da região, iniciando a agenda de maio no Teatro Violeta Arraes – Engenho de Artes Cênicas.

Sobre o programa Rumos e o Itaú Cultural

O Itaú Cultural é um instituto privado, ligado ao banco Itaú, e tem como foco a pesquisa, produção, mapeamento e difusão de manifestações artístico-intelectuais. Como uma das formas escolhidas para alcançar este objetivo, abre regularmente editais de apoio à produção e difusão de trabalhos nessas áreas, o Rumos.

Em 2007 a edição de Música contemplou a banda de lata Os Cabinha, que se apresentou no teatro do instituto, localizado na Avenida Paulista, em São Paulo. Atualmente, o Itaú Cultural está com dois editais abertos: Educação, Cultura e Arte, e Artes Visuais. O primeiro selecionará educadores e experiências ligadas à educação não-formal, difundindo os resultados alcançados. O segundo mapeará a produção das artes visuais em diversos seguimentos, e a exemplo do programa de Música, levará a obra dos selecionados para exposição em sua sede.

Um comentário sobre “Lançamento do Rumos Educação, Cultura e Arte na Fundação Casa Grande

Deixe uma resposta